Abril 13, 2024
Ouça a Rádio Arca aqui!

Por amor a Deus, missionário supera o risco de morte para evangelizar canibais Featured

Por amor a Deus, missionário supera o risco de morte para evangelizar canibais Cegonha (Foto: Reprodução/Canva)

 

Anunciar o evangelho de Jesus Cristo em regiões onde a liberdade religiosa é garantida e onde a civilização é regida por leis modernas é algo bem diferente do que evangelizar em locais isolados do planeta, especialmente quando neles há o risco de ser devorado por canibais.

Essa foi a realidade enfrentada pelo pastor e missionário brasileiro Oséas Cardoso, que teve o seu ministério destacado em uma matéria de Ryan S. Howard, fundador do Your Faith At Work, uma organização que colabora com missões cristãs pelo mundo.

De acordo com o artigo publicado pela revista cristã Charisma News, o missionário Oséas Cardoso aceitou evangelizar uma tribo isolada de canibais, na África, após receber o convite de um africano que estava no Brasil.

Antes disso, porém, o pastor foi alertado de que enfrentaria inúmeros riscos, podendo ser morto por uma série de animais como crocodilos, hipopótamos, leões ou mesmo macacos. “Se ele conseguisse passar por todo aquele perigo, ele seria morto pela tribo canibal”, avisou o africano.

Amor a Deus

Mesmo ciente dos riscos envolvidos, o missionário brasileiro não abriu mão de cumprir o seu chamado. Por amor a Deus, ele aceitou ir ao encontro dos canibais, enfrentando uma dias de uma viagem difícil, onde foi preciso utilizar até canoas em rios inóspitos, até chegar na tribo pretendida na República Democrática do Congo.

Ao chegar no local onde vivem os canibais, “os moradores do vilarejo correram para encontrá-los. Eles estavam vestidos com as roupas que usam apenas nos momentos em que se preparam para matar e comer as pessoas que entram em contato com eles”, disse Howard.

“Eles ficaram com lanças na mão enquanto o pastor Cardoso transmitia sua mensagem por meio de um intérprete. Somente pela graça de Deus, a tribo canibal o deixou falar”, acrescentou.

Felizmente, a pregação do Evangelho rendeu frutos e a Palavra de Deus foi se espalhando para outras tribos, até alcançar cerca de 50 povos distintos. “A primeira mensagem de Cardoso às tribos canibais foi sobre a unidade e a dignidade de todas as pessoas”, diz Howard em seu artigo.

O missionário Oséas Cardoso, por fim, provou que com fé em Deus, preparo e coragem é possível alcançar os povos mais distantes do mundo. Além dos riscos de morte, ele também superou os ataques dos feiticeiros canibais, rebatendo os espíritos malignos com o Evangelho da salvação.

 

 

Gospel prime

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Quarta, 07 Dezembro 2022 13:55