Fevereiro 22, 2024
Ouça a Rádio Arca aqui!

Durante o final de semana as tensões entre os Estados Unidos e a China aumentaram ainda mais, com o Ministério das Relações Exteriores chinês expressando extremo descontentamento após o exército americano ter derrubado um suposto balão de vigilância chinês, apelidado de “Zeppelin Vermelho”.

Nesse sentido, o balão foi derrubado ao largo da costa leste dos EUA, vários dias depois de ter voado milhares de milhas sobre os EUA continentais. O Secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin, disse em uma declaração que o balão foi enviado para inspecionar locais estratégicos nos EUA continentais.

A liberdade religiosa é uma conquista das democracias, mas vem sofrendo “desrespeito alarmante” na América Latina nos últimos anos, de acordo com a Comissão Interamericana de Direitos Humanos, uma organização que lida com a proteção das garantias fundamentais na sociedade.

Tomás Henriquez, diretor da ADF para a América Latina, fez um alerta para a Comissão, apontando o que para ele significa uma “onda” de violações ao livre discurso religioso na região.

A crise enfrentada pela Igreja Metodista Unida nos EUA, com muitas congregações se separando da denominação, suscitou um importante debate no meio evangélico em relação aos males do liberalismo teológico.

Um líder cristão publicou um artigo contextualizando o cenário do ponto de vista dos membros. Todd E. Brady, líder de um ministério evangelístico, afirma que a insistência de uma minoria em aprovar a aceitação da homossexualidade na doutrina levou a Igreja Metodista Unida (UMC) a um racha.

Suprema Corte dos EUA aceitou argumentação de caso sobre liberdade religiosa

Recentemente, a Suprema Corte dos EUA anunciou que ouvirá em dezembro o caso de uma web designer do Colorado que se opõe a usar seu negócio para promover o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Crítico afirma que Igreja Metodista Unida está implodindo em tragédias após drag queen ser convidada para sermão em culto.

Recentemente, depois que um pastor da UMC na Flórida convidou uma drag queen para pregar um sermão com crianças em um culto da igreja, um crítico metodista advertiu sobre o perigo disso se tornar a mainstream, ou “corrente dominante”, na Igreja Metodista Unida.

Página 1 de 4